domingo, 3 de novembro de 2013

Momentos Épicos do Gag Reel de Supernatural, SPN Con Chicago 2013, Comentários SPN 9.04 Slumber Party, Grimm 3.01 The Ungrateful Dead e Saint Seiya Omega 77

Olá pessoas!

E esse tempo doido? Foi o suficiente para atacar minha sinusite. Afff...
Bem, temos de tudo um pouco no post de hoje: Con Chicago, comentários sobre o 9.04, Saint Seiya Omega, a volta de Grimm com a terceira temporada e também, como é o primeiro domingo do mês de novembro, temos o post especial de hoje. Como havia prometido no último post especial, vamos falar sobre o que os hunters mais adoram: os erros de gravação e seus momentos épicos.




MOMENTOS ÉPICOS DO GAG REEL DE SUPERNATURAL

Todos os fãs de Supernatural, a cada final de temporada, esperam para ver [pela internet ou em DVD] os erros de gravação da série, conhecidos como "gag reel" que significa literalmente "carretel da mordaça". Todos sabem que o elenco adora dar uma zoada e uma extrapolada propositalmente. Porém, alguns erros merecem destaque por serem os mais engraçados, chegando a se tornarem épicos. E é sobre esses erros que falaremos a seguir.

Personagens Mais 'Son of a Bitch de Supernatural'
7 Coisas que Grimm tem a ver com Supernatural

#8 Sincronismo das portas do Chevy Impala 67

Temporada: 1ª

Por que é épico? Bem, é a primeira sequência de erros de gravação de Supernatural e o que torna isso mais engraçado é o fato de que não é feito proposital. Como vocês sabem, Jensen tem dez centímetros a menos de altura em relação ao Jared e, acreditem! Isso fez muita diferença nessa cena. Eu que sou alta, entendo a situação. Como justamente esses dez centímetros estão nas pernas de Jared, quanto mais compridas forem, mais tempo levam para entrar no carro. E é isso que fica nítido nesta cena, onde as duas portas do Impala precisam fechar ao mesmo tempo. Mas, isso não acontece devido ao fato de Jared acabar levando mais tempo para entrar no carro, justamente pelo comprimento maior das pernas. Eles repetem umas três ou quatro vezes esta cena. Jensen chega a pedir silêncio porque ninguém consegue se concentrar e segurar as risadas. Muito divertido!



#7 Jared soltando "flatulências" dentro do Impala 67

Temporada: 2ª

Por que é épico? Tudo está tranquilo dentro do Chevy Impala, silêncio absoluto para prosseguir com as falas quando, de repente... Um estouro de peido dentro do carro e Jared acaba caindo na gargalhada. Ainda bem que vídeo não tem cheiro porque a cara que o Jensen faz... Devia estar tenebrosa a situação. O cheiro é tão insuportável que Jensen quase vomita dentro do carro. Ele não consegue terminar de gravar a cena e sai de dentro do carro devido ao forte cheiro inalado. Que situação não é Jared?



#6 Jared e Jensen fazendo uma gritaria dentro da cela quando Henriksen aponta uma arma.

Temporada: 3ª

Por que é épico? Esse erro foi proposital, mas ninguém esperava a situação. Esse episódio que originou a cena do Gag Reel, chamado "Jus In Belo" [Terror na Delegacia] é o segundo episódio mais tenso da temporada [ficando atrás apenas do último]. Pois, numa das cenas que deveria ser tensa, Jared e Jensen fazem uma gritaria de apavorados, pulam, correm dentro da cela. Ninguém sabe o que está acontecendo ou se soltaram um hospício ali. As caras dos demais atores são impagáveis!



#5 O elevador que não fecha

Temporada: 4ª

Por que é épico? Esse erro corresponde ao episódio 5.17 It's a Terrible Life [Que Vida Terrível]. E o mais engraçado é que o elevador não funciona do jeito que é para ser. Jared aperta o botão errado e o elevador não fecha. Jensen diz que precisa apertar o outro botão. Jared sai e repete a cena. Novamente aperta o botão errado. Ninguém se aguenta e todos começam a rir. Jared chega a fazer um gesto obsceno para a câmera. Novamente a cena é repetida e o elevador não funciona. Jared quase fica preso na porta. Um dramalhão mexicano por causa de uma porta.


#4 O buraco do demônio

Temporada: 5ª

Por que é épico? Nada poderia ser mais épico que o duplo sentido da frase "o buraco do demônio". E, para piorar a situação, quanto mais Jensen tenta remendar a fala, mais errada ela fica. Confira o trecho abaixo:


#3 Misha, Jim e o verbo "tocar".

Temporada: 6ª

Por que é épico? Óbvio que Misha Collins e Jim Beaver não poderiam ficar de fora dos gag reels. E, mais uma vez, abusaram das frases de duplo sentido, desta vez com o verbo "tocar". 
E o pior de tudo é que o Misha consegue interpretar o Castiel até no Gag Reel. Confira a imagem abaixo:


#2 Jensen não consegue terminar sua fala porque ninguém para de rir por trás da câmera

Temporada: 7ª

Por que é épico? Jensen erra uma das falas. Até aí nada de tão surreal se não fosse o fato que ele não consegue mais terminá-la porque ninguém para de rir nos bastidores. A câmera fica focada nele. Ele fala várias coisas. Ele até se irrita um pouco, mas começa a rir porque ninguém para de rir e fazer palhaçada. Ele já fica sem graça. Até que focam no Jared. E Jensen desiste temporariamente de fazer a cena. Clique na imagem para ampliá-la


#1 O tombo do Jensen no episódio Larp and the Real Girl

Temporada: 8ª

Por que é épico? Pelo simples fato de ser um tombo. Qualquer pessoa ri de alguém caindo, isso é inevitável. E com Jensen não poderia ser diferente no episódio Larp and the Real Girl [RPG e a Garota Real]. O mais bonito foi que ele estava todo poser para sair correndo, vestido de medieval quando escorrega na grama e cai de cara no chão. E o pior que levam alguns segundos para perceber que o Jensen caiu e ajudá-lo a se levantar. Isso ainda gerou várias cenas subliminares dentro do Gag Reel. Em minha opinião, esse foi o momento mais épico de todas as temporadas de Supernatural.



SUPERNATURAL CON CHICAGO 2013

No último final de semana aconteceu a Con Chicago 2013. Estavam presentes além de Jensen Ackles, Jared Padalecki e Misha Collins, Mark Sheppard [Crowley], Mark Pellegrino [Lúcifer], Osric Chau [Kevin], Richard Speight Jr [Gabriel], Matt Cohen [jovem John], Sebastian Roché [Balthazar], Samatha Smith [Mary] e Julie McNiven [Anna]. Confira as fotos abaixo:



SAINT SEIYA OMEGA EPISÓDIO 77

Chegou o Momento! Os Cavaleiros de Athena se Reúnem!

Agora falta pouco para chegar ao castelo de Pallas. Mas há vários pallasites cercando o castelo. Parecem infinitos. Ikki dá cobertura enquanto Kouga, Ryuho, Yuna, Souma, Haruto, Eden e Subaru vão até a entrada do castelo. Titan resolve selar a entrada, usando a força do tempo. Europe aparece para impedir os cavaleiros. Souma, Yuna, Ryuho, Haruto e Subaru dão cobertura para Eden e Kouga abrirem caminho para Athena. Eden encara Europe enquanto a nova geração da mula empacada dá com os burros n'água para abrir a porta do castelo de Pallas.
Kouga quase se mata fazendo isso. Então surge a cavalaria: Shun de Andrômeda, Shiryu, Hyoga de Cisne [que no japonês se diz "rioga" e não "ioga" como na dublagem do clássico] e, na sequência, Athena e os demais cavaleiros de ouro. Ryuho entrega a armadura de Libra para seu pai. Athena chora ao ver que Kouga fez m#$%@ [é de chorar mesmo]. E adivinha só o que acontece? Todo o mundo manda o cosmo para o Kouga quebrar a porta do castelo de Pallas. Não seria mais fácil usar as armas da armadura de Libra? E por que certas coisas não mudam? Cara, ele consegue ser pior que o Seiya de antigamente. Ele é muito fraco, nem merecia estar com a armadura de Pégaso. Bem, a porta foi quebrada e agora em diante a p#$%@ vai ficar séria.

SUPERNATURAL 

9.04 SLUMBER PARTY [FESTA DO PIJAMA]

Como já havia mencionado aqui, temos a volta de Felicia Day no papel de Charlie e um episódio com referências ao Mágico de Oz. E, sinceramente? Esperava mais desse episódio. Ainda mais depois do filme Oz: Mágico e Poderoso com o James Franco. 
Temos uma Dorothy hunter, aliada com os primeiros Homens das Letras, a Bruxa Má [literalmente], trazida de Oz e ainda um Crowley ajudante de bruxa muda. 
Charlie descobre o que tem no computador da sala da sede da "batcaverna". Enquanto isso Dean derruba acidentalmente um frasco onde acaba libertando a Bruxa Má e Dorothy. A Bruxa Má pede ajuda a Crowley para achar a chave para o portal para Oz. 
Charlie para salvar Dean acaba morrendo, sendo atingida pela Bruxa Má. Mas logo volta a vida porque Dean pediu ajuda de Ezequiel. 
Sam se lembra de Dean chamar "Zeke" antes de apagar e pergunta ao irmão quem é. Novamente Dean inventa outra desculpa. Até quando?
A Bruxa possui os irmãos e tenta matar Dorothy e Charlie. As garotas descobrem que para matar a bruxa, precisam dos sapatos de Dorothy para cravar na bruxa. Dorothy dá cobertura enquanto Charlie acaba com a raça da bruxa. 
No fim, Dorothy e Charlie vão caçar criaturas em Oz e Dean arruma uma garagem para a sua "baby", com a trilha sonora de AC/DC "For Those About to Rock". Achei que só o Kripke que gostava da banda. 

GRIMM 

3.01 THE UNGRATEFUL DEAD [O MORTO INGRATO]

Quando traduzi isso tive que dar risada. 
Bem, voltamos na terceira temporada com Nick dopado pelo "barão", Monroe, Juliette e Rosalee desesperados no meio de pseudo-zumbis e Renard tentando salvar Nick. Sim, o hexenbiest tentando salvar o Grimm. Nick acorda do transe mais violento que o Hulk e consegue derrubar o avião. 
Adalind faz várias tarefas para conseguir seus poderes de volta, uma delas com esquartejamentos dignos de Jig Saw.
Nick acaba destruindo um bar e Monroe, Hank e Renard vão até lá tentar salvá-lo. Mas Nick já havia ido.
Um episódio muito tenso do início ao fim. Um ótimo começo para a temporada de Grimm.

Pelegrino anda querido, mas magrinho... Não é por falta de comida, anda tratado até demais. Mas o pior vocês não sabem: a mãe biológica do Pelegrino trouxe três irmãozinhos dele. Ela que leve de volta, um gato tá de bom tamanho.

Era isso pessoas. Deixo para vocês mais uma frase de Supernatural. 

Até a próxima!

o/

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...